Espaços da Direção Geral do Património Cultural terão o selo admira

2020-05-08T09:14:57+00:00Maio, 2020|

Após a B6 ter vencido o concurso público para aquisição, desenvolvimento e manutenção do sistema informático e respetivo equipamento para a gestão integrada de bilhética da rede de museus, palácios e monumentos da Direção Geral do Património Cultural (DGPC), encontra-se, oficialmente, em curso o projeto de implementação. 

A reunião de kick-off decorreu no passado dia 16 de abril e brevemente estes espaços terão o selo admira, com a possibilidade de compra de bilhetes em espaços físicos e online. 

A Direção Geral do Património Cultural (DGPC) é responsável pela gestão do património cultural em Portugal continental. Uma equipa alargada, cobrindo praticamente todos os domínios técnicos e científicos e estruturada funcionalmente em serviços centrais, sediados em Lisboa, e em Museus, Monumentos e Palácios, localizados em diferentes pontos do país, assegura um vasto leque de funções e disponibilizam um vasto conjunto de serviços.

As suas atribuições passam, entre muitos outros campos de atividade, pelo estudo, investigação e divulgação do Património imóvel, móvel e imaterial, pela gestão do património edificado arquitetónico e arqueológico no território e nas cidades, pela realização de obras de conservação nos grandes monumentos, pela gestão dos Museus Nacionais e dos monumentos classificados como Património Mundial, pela coordenação da Rede Portuguesa de Museus, pela documentação e inventário do património imaterial, indo até às intervenções de conservação e restauro de peças de património móvel e integrado.

Saiba mais sobre a Direção Geral do Património Cultural.